Histórico Biblioteca Campus Caçapava do Sul

De Wikipampa
Ir para: navegação, pesquisa

2006 – começa suas atividades nas dependências do Campus Provisório, localizada na Escola Eliana Bassi de Melo. Seu acervo começa com livros de cálculo e física, destinado a atender o curso de Geofísica, primeiro curso a ser instalado no campus.

2008 – adota o uso do SIE (Sistema de Informações Educacionais). Onde: pesquisa, empréstimo, renovação e reserva, agora são on-line. A biblioteca também disponibiliza computadores específicos para consulta ao Portal da Capes.

2009 – transfere-se para o Campus Definitivo, situado na Av. Pedro Anunciação, 111, Vila Batista, em um espaço funcional com 444 m². Ampliando seu atendimento aos cursos de Licenciatura em Ciências Exatas e Curso Superior em Tecnologia em Mineração. Começa a fornecer o Empréstimo entre Bibliotecas (EEB), serviço que permite docentes, técnicos e discentes a solicitar livros de outros campi da Unipampa.

2010 – com sua estrutura física formada por salas de estudo individual e em grupo; sala de Processamento Técnico; sala para Bibliotecários; espaço para Empréstimos; espaço para circulação e para a Coleção de livros, periódicos...; e alguns computadores para os usuários. Melhora as condições de prestação de serviços buscando uma excelência no uso da informação pela comunidade acadêmica, agora ampliada pelo curso de Geologia.

2011 – com a aprovação do Regimento do Sistema de Bibliotecas (SISBI) pelo Conselho Superior Universitário (CONSUNI), fica regulamentado o funcionamento da Biblioteca assim como outras atribuições. A partir desse ano aumenta o número de usuários com a criação do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental.

2012 – a implantação da Pós-Graduação no campus intensifica as atividades desenvolvidas. O sistema de antifurto trás mais segurança ao acervo.

2013 – todo o acervo recebe antifurto.

2014 – passa por uma vistoria a pedido dos funcionários da biblioteca. Apresentando rachaduras nas paredes, desníveis no chão e tremores causados pela passagem de veículos em frente ao prédio. O laudo sugere o deslocamento da biblioteca do andar superior para o térreo.

2015 – devido à falta de salas de aula, a biblioteca cede seu espaço para a construção de oito salas. Transferida para uma sala de aula onde agora encontra o acervo e o balcão de atendimento. São entregues para cadastro no SIE os primeiros TCCs. A biblioteca passa a fazer parte das redes sociais através do facebook.